O Brasil tá virando mainstream?

| 3 Comentários

Ok, meio pretensioso falar sobre o Brasil no mundo, principalmente estando fora há apenas 3 dias.

Não sei se é a época da copa do mundo, quando parece que nos esforçamos pra esquecer nosso lugar no rol dos países de 3º mundo (embora 3º mundo seja conceito muito pequeno pra rotular o Brasil, país complicado e complexo que é), mas sinto que aqui em Zurique estamos meio que na moda. Vejo bandeiras brasileiras em muitos lugares, provavelmente estendidas por imigrantes. Mas há algo mais de Brasil aqui do que as havaianas e caipirinhas que há anos fazem sucesso por essas bandas.

Ontem, por exemplo, me levaram a um forró aqui! Imaginem eu, um Robocop nesse particular, sendo conduzido a um forró, ainda que sob protesto. Bom, havia sempre a vantagem do anonimato, ainda que preciso calar uma certa testemunha… 😀

Estranho ver pessoas dançando forró enquanto conversam e pedem suas bebidas em alemão suíço. Estranho sair e ver as placas de trânsito em alemão, e pessoas de várias nacionalidades andando pelas ruas. Estranho ouvir Geraldo Azevedo em ritmo de forró, e uma música que Ilminha sempre falava, uma tal de “Não se avexe não”, com garçonetes loiras e de olhos azuis a trazer e levar copos. Estranho ver suíços, italianos, alemães, bolivianos, etc., todos dançando forró, e, estranho, não forró tipo-exportação, mas forró autêntico.

Enfim, se o Brasil continuar a crescer, parece que sua expansão cultural já terá começado antes… Mas a dor de cotovelo de ver suíço dançar forró melhor do que eu jamais conseguiria é maior do que a dor de cabeça oriunda de 2 grapas, 1 caipirinha, uma taça de vinho e uma cerveja que um amigo daqui me fez tomar.

Autor: oculos

the guy that owns this thing... :D

FireStats icon Produzido pelo FireStats