Dia fétido

| 0 comentários

Pra começar um dos dias mais esquisitos que já vi, acordei hoje (novamente) com miados de gatos. Parece estar havendo uma invasão de gatos aqui na rua, visto que Marcão, que mora acima, também tá tendo os mesmos problemas. Enfim, acordei pra espantar o gato, e a cena pastelão típica aconteceu: joguei o chinelo no gato, chinelo ficou preso, e eu, oito horas da manhã, tentando ver como tiraria o tal do chinelo, tudo sob a observação da Tia, que não aguentou e riu mesmo quando pisei numa borboleta. Pés lavados, volto pra cama, mas não dava pra dormir. Vejo a televisão, e constato que só dois canais, SÓ DOIS CANAIS não apresentavam programa religioso. Pego o computador, leio jornais, e estou até agora, 11 da manhã, sem vontade de me levantar. Pra completar o clime estranho, chove (deveria ter chovido mais cedo, acho que os gatos não miariam tanto com chuva…).
Na falta do que pesquisar (ontem o tema esdrúxulo foi pbx’s com ip, telefonia ip, etc), pesquisei trens modernos. Disso, me lembrei de um nome de um trem, era Christian Morgenstein, aí fiquei curioso porque deram o nome dele ao trem, e tentei descobrir quem era o sujeito, sem sorte. Achei, todavia, um site sobre as viagens desse tio da Finlândia, achei bacana o tal site.
Será que hoje eu consigo estudar? Será que hoje como menos? Será que hoje saio do quarto? Aguardem os próximos capítulos…

Autor: oculos

the guy who writes here... :D

FireStats icon Produzido pelo FireStats